As empresas precisam Formar gente para Pensar e não para Executar…


Por Vítor Peixoto

Recentemente venho tendo contato mais próximo com a Operação de algumas empresas do segmento de TA, principalmente de Revendedores e Software-Houses.

Tenho sorte pois tenho conseguido conversar com empresas dos mais variados tipos, com as mais variadas culturas, com gestores e diretores de todas as idades possíveis.

Entre elas, um ponto comum: diretores que são levados a pensar o negócio todo e muita gente executando. Pensadores estão em falta… E aos montes.

É claro que em muitas situações os gestores querem executar mais, querem mostrar para o Diretor que pensam. Mas o diretor, seja por estar calejado, seja por medo, prefere centralizar tudo a dar asas a estes gestores. Este tipo de postura acontece em 90% dos casos.

Entretanto, nos 10% restantes, diretores e gestores pensam juntos o negócio mas, quando você desce para o patamar operacional, dá pena ver como a equipe lida com o “pensar”.

As pessoas simplesmente não sabem “pensar”. Em 100% dos casos vejo diretores e gestores, com menor ou maior poder de decisão, implorando para suas equipes pensarem. Mais os caras não pensam.

É óbvio, é muito mais simples não pensar, apenas executar. Também gera um comprometimento menor além, é claro, de ser muito menos trabalhoso. Mas, se sua equipe não pensa, quem planeja o futuro do seu negócio? Só você? E quando você está errado, quem te ajuda a aparar os erros? Ninguém? Então você precisa estar 100% certo o tempo todo para garantir prosperidade? Cara, ferrou… Nem Jesus Cristo conseguiu isso meu amigo!

Então, o que fazer? Estimular as pessoas! Pedir a elas que deem mais, desafiando-as. Criar um ambiente desafiador para trabalharem, que faça com que várias pessoas de várias áreas diferentes interajam entre si para um bem maior. Estimular nas pessoas a pró-atividade, dando segurança a elas para errar visando o acertar. Errar não é problema. O duro é não acertar por ter medo de errar.

Nas empresas que visito as pessoas levantam pouco de suas cadeiras, ficam sempre dentro de seus casulos de segurança. Isso precisa acabar. A empresa precisa se movimentar, as pessoas precisam interagir entre si, criar um ambiente de inovação.

Quando você conseguir isso, seu legado estará garantido e sua empresa será, cada vez mais, um lugar de ideais e idéias e não de execução de tarefas.

Um comentário sobre “As empresas precisam Formar gente para Pensar e não para Executar…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s