Substituição tributária já pressiona os preços


A margem de lucro adotada pela Secretaria Estadual da Fazenda de São Paulo para ajustar a base de cálculo da substituição tributária do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), outorgando à indústria a obrigação do recolhimento do tributo ao longo de toda a cadeia produtiva, até o consumo final, continua a gerar polêmica nos 13 setores envolvidos, como produtos de higiene pessoal e de limpeza, cosméticos, alimentícios e autopeças. A assessoria contábil Confirp sustenta que a medida, em vigência desde 1º de fevereiro, com a publicação do Decreto Estadual nº 52.921/2008, trará impactos nos preços com o repasse aos consumidores de resíduos da cobrança de ICMS na indústria.

Leia a reportagem completa http://www.dci.com.br/noticia.asp?id_editoria=7&id_noticia=230030

Fonte: DCI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s